Secretário de Segurança Pública afirma que PCC está crescendo em Goiás

O secretário de Segurança Pública e Administração Penitenciária de Goiás, Ricardo Balestreri, afirma que o Primeiro Comando da Capital (PCC) está crescendo em Goiás. A declaração foi dada na última segunda-feira (8) durante audiência pública sobre atuação das forças de segurança pública e o direito às manifestações de rua, na Assembleia Legislativa do Estado de Goiás (alego).

Na oportunidade, o secretário afirmou que o PCC representa uma grave ameaça à ordem pública e a população de Jataí – onde ocorreram seis incêndios em carros no último fim de semana – acabou sofrendo com este problema. “O PCC está crescendo aqui e entrando em confronto com grupos rivais. Isso acontece a partir do sistema prisional, que é escritório do crime. Estou neste cargo há dois meses, mas cabe a mim resolver”, disse Balestreri. Procurado pela reportagem do Mais Goiás, o secretário não quis falar sobre o assunto.

No último fim de semana, seis veículos foram incendiados em Jataí. De acordo com o titular da 14ª Delegacia Regional de Polícia, Marcos Rogério Guerini, três adolescentes foram apreendidos suspeitos de participação nos crimes. Eles foram flagrados quando tentavam colocar fogo em carros que estavam no pátio da Secretaria Municipal de Trânsito.

Em depoimento, afirma o delegado, os menores disseram que a ordem para incendiar veículos na cidade partiu de dentro da unidade prisional de Jataí. Um homem também foi preso suspeito de participação nos incêndios. Guerini afirma que a Polícia Civil trabalha com serviço de inteligência para descobrir os responsáveis pelos crimes.

Adicionar comentário

Código de segurança
Atualizar

Ouça a rádio mais alegre do Brasil!

PLAY

NOSSA EQUIPE

 

Luãn Henrique "Garotinho"

Editor

Marcione Barreira

Redação

Esportes

Error: No articles to display

Pesquisar